Como podemos te ajudar?

Faculdades Única/Prominas anunciam grandes investimentos em Montes Claros

Empreendimento gerará milhares de empregos e desenvolvimento para região

Por Gean Carlo

Grupo Educacional mantenedor das Faculdades Prominas de Montes Claros anunciou na última sexta-feira (13) em reunião administrativa, a construção do maior complexo de distribuição de produtos e comércio do norte de Minas. O empreendimento deverá gerar milhares de empregos diretos e outras centenas de postos indiretos.

Grupo Prominas/Única anunciam construção do maior complexo de distribuição de produtos e comércio do norte de Minas.

Com investimento na ordem dos R$30 milhões, a unidade de distribuição da cidade será erguida no anel rodoviário, ao lado de uma das rodovias mais movimentadas do Brasil, a BR-251. O anúncio oficial do empreendimento foi feito pelo Presidente do Grupo, professor Valdir Henrique Valério, que explicou que o objetivo dos constantes investimentos na região é aquecer a economia local.

O Grupo Prominas – Educação e Tecnologia já é mantenedor de um conglomerado de empresas na região do Vale do Aço e, agora, também tem o objetivo de crescer no Norte de Minas. O anúncio também foi marcado pela presença do Governador do estado de Minas Gerais, Romeu Zema, que estava em Montes Claros para participar 24ª Feira Nacional da Indústria, Comércio e Serviços (Fenics).

Valdir Henrique Valério falou do projeto de expansão do Grupo Prominas ao Governador de Minas Gerais, Romeu Zema.

Na ocasião, o Presidente do Grupo Prominas relatou ao Governador os projetos de expansão e geração de empregos na região. Ao falar sobre os projetos ao Governador, o professor Valdir Henrique disse:” queremos, acima de qualquer coisa, impactar positivamente a região, por meio da geração de empregos e renda, aquecer a economia e fazer com que as pessoas tenham condições de conseguirem ascensão social e econômica”.

O complexo contará com uma área de 60.000 metros quadrados, controle de acesso e estacionamento amplo. Além disso, o centro possuirá um grande potencial de produção de energia fotovoltaica e contará, também, com milhares de galpões modulares de 300 a 6.000 metros quadrados, bem como restaurantes e centro administrativo de apoio ao usuário. A previsão de finalização da obra é de dois anos.

 

 

 

 

 

Postar um Comentário